testo


Sejam bem vindos todos que aqui chegarem!
Nós agradecemos a sua presença.
Este Portal tem como propósito servir amorosamente e colaborar
para o aprimoramento e desenvolvimento pessoal e espiritual do ser.
Fatima dos Anjos

Bem Vindos ao Portal Arco Íris

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

DESCOBERTA REGIÃO DO CÉREBRO RELACIONADA À FELICIDADE!


DESCOBERTA REGIÃO DO CÉREBRO RELACIONADA À FELICIDADE!

A felicidade é buscada por todas as pessoas. Porém, esta busca pode ser muito complicada, justamente pelo conceito de “felicidade” ser de difícil definição.

Tal questão intriga os filósofos há milhares de anos, e até hoje, tem múltiplas interpretações. Porém, recentes avanços na neurociência finalmente começaram a lançar luz sobre a questão, podendo ter encontrado a resposta para o que determina a felicidade.

Um novo estudo acredita que a felicidade “está na sua cabeça”. Isso pode parecer óbvio, mas, neste caso, as especificidades também são determinantes e literais. Ao comparar resultados de ressonância magnética com questionários sobre estados emocionais, pesquisadores da Universidade de Kyoto, no Japão, afirmam ter relacionado à experiência de felicidade a uma parte específica do cérebro humano.

A felicidade geral, segundo eles, ocorre quando as emoções positivas combinam com um sentido de satisfação anterior da vida. Tudo isso acontece na região do pré-cúneo cerebral, uma parte posterior da cabeça, localizada entre os hemisférios do órgão, relacionada com tarefas importantes, como memória, autorreflexão e consciência.

Este foi o primeiro estudo a mostrar a relação entre felicidade e a região do pré-cúneo cerebral. Fenômenos complexos – como a felicidade – raramente resumem-se a uma região do cérebro, mas outras pesquisas recentes também apontaram um papel descomunal do pré-cúneo na sensação de alegria.

Apesar de parecer algo “esotérico”, os neurocientistas interessam-se em saber quais partes do cérebro humano podem gerar a sensação de felicidade, as pesquisas são importantes para o desenvolvimento de formas mais precisas de métodos que possam aumentar a sensação – como viagens, exercícios ou meditação.
  

“Vários estudos têm demonstrado que a meditação aumenta a massa cinzenta no pré-cúneo. Esta nova visão sobre onde a felicidade está localizada no cérebro será útil para o desenvolvimento de programas de felicidade baseados em pesquisa científica”, concluiu Sato.

(Jornal Ciência, Bruno Rizzato)
fonte:sitemetatransformação.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...